FANDOM


"Quantos de vocês são agora?"
―James Gordon se surpreende com a Liga da Justiça[fonte]

James Gordon, também chamado de Jim Gordon, é o comissário do Departamento de Polícia de Gotham City. Ele é o pai de Barbara Gordon, e fiel companheiro de Batman no combate ao crime.

BiografiaEditar

Início da vidaEditar

James Gordon entrou no D.P. de Gotham ainda jovem, antes disso, ele serviu a Marinha dos Estados Unidos.[1]

Gordon em algum ponto, subiu posições no Departamento de Polícia de Gotham City, eventualmente se tornando o comissário.

Aliança com o BatmanEditar

Quando o vigilante Batman começou a ficar famoso entre os policias, o objetivo de Gordon era de capturar o suspeito. Mais tarde, se tornaram grandes aliados. Gordon instalou no prédio do D.P.G.C. um "Bat-Sinal", que ele usaria para chamar o Cavaleiro das Trevas quando fosse necessário.

Conhecendo a LigaEditar

Gordon conhece a Liga da Justiça

Jim Gordon conhece a Liga da Justiça.

"Por favor, combater o crime por vinte anos depois ir para Metrópolis sequestrar oito pessoas? Eu vou falar com ele hoje."
―Jim Gordon após receber relatos dos Parademônios[fonte]

Quando Gordon recebeu relatos de um "morcego gigante" que havia sequestrado oito pessoas, ele decidiu entrar em contato com Batman para saber o que estava acontecendo e se ele estava envolvido. Quando o Cavaleiro das Trevas apareceu, ele havia trago companhia, a Mulher-Maravilha e o Flash, e explicou a Gordon sobre os Parademônios.[2]

Ciborgue apareceu logo em seguida para ajudar a Liga, afirmando que as pessoas sequestradas eram cientistas dos Laboratórios S.T.A.R.. Ao analisar os mapas de ataque de Gordon, eles notaram que o Lobo da Estepe, líder dos Parademônios, estava no porto de Gotham, que ficava no rio entre Metrópolis e Gotham City. Este porto ligava canais em baixo do rio e, provavelmente, os cientistas estavam sendo interrogados lá.[2]

Depois da batalha no portoEditar

Depois de lutarem no porto de Gotham, Gordon foi apresentado a mais um integrante da Liga, Aquaman, que havia salvado os outros. Victor Stone então afirmou que a última Caixa Materna que o Lobo da Estepe precisava estava com ele.[2]

PersonalidadeEditar

"Mas, é bom te ver com outras pessoas."
―James Gordon para Batman e sua Liga[fonte]

James Gordon é fortemente dedicado ao seu trabalho como comissário do Departamento de Polícia de Gotham City, semelhante a determinação de Batman em combater o crime na cidade, ajudando o vigilante em sua cruzada por muitos anos.

Embora geralmente seja bem sério e prático, Gordon também tem um senso de humor brando.

EquipamentosEditar

Como comissário da polícia, Gordon tem todos os equipamentos a dispor do D.P.G.C., como pistolas modelo Glock, fuzis, coletes balísticos, entre outros.

RelacionamentosEditar

FamíliaEditar

AliadosEditar

InimigosEditar

GaleriaEditar

CuriosidadesEditar

ReferênciasEditar